Extracurriculares

Oferecemos diversos cursos extracurriculares. No início das aulas abrimos as inscrições, normalmente no início do mês de fevereiro, estamos sempre buscando novas categorias para que nossos alunos tenham uma rica vivência extracurricular. As grades horárias, os momentos de matrícula

BALLET: Os princípios básicos do balé são postura ereta; uso do en dehors (rotação externa dos membros exteriores), movimentos circulares dos membros superiores, verticalidade corporal, disciplina, leveza, harmonia e simetria.

JAZZ:  é uma forma de dança que recebe influências de diversos outros estilos e princípios técnicos do ballet e dança contemporânea. 

HIP - HOP: A dança hip hop refere-se aos estilos de dança sociais ou coreografados relacionados à música e à cultura hip hop. Isto incluiu uma grande variedade de estilos, especialmente breakdance e popping, os quais foram desenvolvidos na década de 70 por afros e latino-americanos. O que diferencia a dança hip hop de outros tipos de dança é o freestyle.

GINÁSTICA GERAL: A ginástica é um conceito que engloba modalidades competitivas e não competitivas e envolve a prática de uma série de movimentos exigentes de força, flexibilidade e coordenação motora para fins únicos de aperfeiçoamento físico e mental.

PILATES INFANTIL: Pilates é um método de exercícios desenvolvido por Joseph Pilates na década de 1920 que visa trabalhar a conexão entre mente e corpo, como uma unidade, de modo a melhorar a consciência corporal e dessa forma promover outros benefícios.

TEATRO: O teatro favorece a atividade física, a partir da consciência e expressão corporal, que são fundamentais para a formação equilibrada do indivíduo. Afinal, o homem é um ser social e dinâmico, o que significa que não pode ficar isolado e sem se movimentar, porque isto faz parte de sua constituição física e emocional.

TEATRO DE FANTOCHES: Uma das mais antigas formas de expressão artística do mundo, o teatro de fantoches é um termo designado para espetáculos realizados com bonecos, marionetes ou fantoches.

METODOLOGIA YOU DE INGLÊS: Essa metodologia visa a fluência na Língua Inglesa através de atividades diversificadas todas ministradas em inglês, criamos um ambiente imersivo.

BATERIA: Popularmente conhecida como o coração da banda, a bateria é a responsável por ditar o ritmo da música. Alguns estudiosos defendem a relativa facilidade em aprender a tocar o instrumento, no entanto, alertam para o nível de dedicação, se possível diária, para o aperfeiçoamento.

VIOLÃO: O violão é um instrumento de cordas, com uma caixa geralmente feita de madeira, que gera uma acústica facilitando a propagação do som. Em alguns países de língua espanhola é conhecido como guitarra. A história do violão nos remete há quase 2.000 A.C. Os atuais violonistas aceitam atualmente duas teorias: O violão é um instrumento derivado do alaúde árabe, levado pelos mulçumanos para a península Ibérica e adaptando-se muito bem as atividades da corte;

O violão derivou-se da “Cítara romana”, tendo seu uso expandindo com a dominação do império romano.

PIANO: Assim, como parte da orquestra, o piano passou a ser utilizado em produções musicais como óperas, cantatas e balés. Os concertos escritos originalmente para solo de cravo passaram a ser frequentemente executados no piano.

CANTO:  canto evoluiu bastante nos últimos tempos. Hoje, podemos apreciar artistas de sucesso que atingiram um estágio profissional de carreira com muito suor. O aprendizado das aulas de canto certamente foi fundamental. Elas não servem apenas para afinar pessoas desafinadas, mas vai muito além. Um dos pontos que a aula de canto trabalha é a postura corporal. A elegância de grandes cantores, especialmente dos cantores líricos, não é por acaso. É preciso prestar atenção na posição da cabeça, estar com os ombros relaxados, dentre outros pontos posturais, para se cantar bem.

JIU-JITSU:  A arte do jiu-jitsu foi desenvolvida com a filosofia de que se pode superar um adversário mais forte usando apenas técnicas. A eficiência das técnicas do jiu-jitsu foi provada com os desafios realizados pela família Gracie e as primeiras lutas do UFC. Estatisticamente, foi demonstrado que, em situação real, 9 de 10 brigas acabam no chão, onde o jiu-jitsu pode trazer vantagem. Conhecida como uma arte suave, existem inúmeros benefícios que o jiu-jitsu pode proporcionar ao corpo e à mente.